Pocophone: Xiaomi apresenta oficialmente seu telefone bom e barato 0 90

Pocophone: Xiaomi apresenta oficialmente seu telefone bom e barato

Pocophone traz especificações técnicas bem interessantes e preço bastante atrativo, se comparar com outros aparelhos de outras marcas.

A fabricante chinesa Xiaomi, finalmente oficializou o tão esperado e primeiro smartphone de sua nova marca paralela. O Pocophone F1, que foi batizado apenas de Poco F1 na Índia, é um smartphone top de linha desvinculado das conhecidas linhas da Xiaomi.

Embora seja desmembrado da família MI da marca Xiaomi, o Pocophone  traz especificações técnicas bem interessantes e preço bastante atrativo, se comparar com outros aparelhos de outras marcas com a mesma especificação.

Na estreia, o Pocophone traz várias funções e recursos de design aclamados atualmente: como os telefones iPhone x da Appe e o novíssimo P30 da Motorola, o Pocophone exibe o “notch” no topo da tela, um sistema de resfriamento líquido, para dissipar o calor do processador e outros componentes internos para garantir um bom aproveitamento do aparelho em jogos e multitarefas.

O aparelho traz ainda um recurso de desbloqueio por rosto usando infravermelho. Além da função de carregamento rápido Quick Charge 3.0 e entrada tradicional para fones de ouvido, também tem suporte para dois chips SIM ─ com uma das entradas podendo ser usada para um cartão micros ─ para expandir a memória do aparelho. O sistema operacional é o Android 8.1 com uma skin da Xiaomi, a MIUI 9.6.

Na câmera frontal, a Xiaomi garante que seus proprietários poderão tirar boas fotos frontais em qualquer iluminação. Já as traseiras possuem recursos de inteligência artificial que funcionam de forma otimizada na Índia.

Disponibilidade e preço

O Pocophone será vendido na Índia, nas cores vermelha (Rosso Red), preta (Graphite Black) e azul (Steel Blue) em três variantes:

    6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento interno (US$ 300, ou R$ 1.211)

    6 GB de RAM e 128 GB de espaço (US$ 343 ou R$ 1.385);

    8 GB de RAM com 256 GB de memória interna (US$ 414 ou R$ 1.672).

As vendas do Pocophone, começam a partir de 29 de agosto na Índia.  Mercados da Ásia e Europa, foram confirmados para receber o aparelho, com excessão apenas da China, para evitar canibalizar o próprio mercado, a Xiaomi resolveu não vender o Pocophone F1 no seu país de origem, onde já se consagra com as linhas Xiaomi MI, também da empresa.

Fonte: MI

Previous ArticleNext Article

Express Wi-Fi: Facebook lança programa de parceria para mercados de Wi-Fi 0 1061

O programa Express Wi-Fi deve levar conexão de alta velocidade para mercados em desenvolvimento por meio de parcerias de hardware.

O Facebook está lançando um programa de parceria para ajudar a levar conexão de alta velocidade para lugares com mercado em desenvolvimento.

Express Wi-Fi, como está sendo chamado o programa, deve levar conexões de alta velocidade para mercados incluindo a Índia, Indonésia, Quênia, Nigéria e Tanzânia.

O programa envolve a instalação de empresas locais em pontos de acesso Wi-Fi, onde o serviço de Internet é fornecido por ISPs locais.

 Outro programa também lançado pelo Facebook, visa fechar parcerias que permitirá que os fabricantes de pontos de acesso criem dispositivos compatíveis com o Express Wi-Fi.

Sua linha de estreia de parceiros para “Express Wi-Fi Certified”, como é chamado o programa de parceiros, inclui a Arista, Cambium Networks e Ruckus Networks, uma empresa de ARRIS.

O Facebook começou a testar o Express Wi-Fi há três anos e desde então expandiu-o para os cinco países acima e mais 10 parceiros.

A ideia por trás do projeto, é criar uma base empreendedora para o serviço Wi-Fi, ou seja, os operadores e ISPs, estariam trabalhando com empresários locais que desejam revender o acesso à Internet em suas próprias comunidades. Os parceiros definem os preços, mas o Facebook fornece o software.

O Express Wi-Fi, oferece acesso total e irrestrito à Web, não uma seleção de sites e serviços pré-aprovados. Atualmente, é uma das muitas iniciativas de conectividade do Facebook, junto a outras, como OpenCellular, programas de acesso rural, drones e outros projetos de infraestrutura.

O novo programa de parceiros, o Express Wi-Fi, criado pela empresa de Mark Zuckerberg, foi construído para tratar de questões específicas que o Facebook e seus parceiros enfrentam no campo, explica a empresa. Ele diz que tem trabalhado com os fabricantes para criar novos pontos de acesso que detectem melhor as páginas de registro e contabilizem com mais precisão a quantidade de dados Wi-Fi consumidos.

Isso permitirá que os provedores de serviços de Wi-Fi vendam o acesso pré-pago, bem como as diferentes classes de tráfego – como oferecer alguns serviços ou conteúdo gratuitamente, enquanto cobra por outros. Presumivelmente, essa seria uma outra maneira de tornar o Facebook livre para desenvolver mercados no futuro.

Fonte: TechCrunch

Google Pixel 3 vs Galaxy Note 9: Quem tem a melhor câmera? 0 124

Site revela características de câmeras do novo Google Pixel 3 XL, e faz comparativo de caâmera com o já lançado Galaxy Note 9 da Samsung.

Com o lançamento do Galaxy Note 9 já concretizado, os olhares começam a focar em um outro lançamento, o da série Google Pixel 3.

Como sabemos, não de costume os dispositivos da Google aparecer na Internet antes da apresentação oficial. Porém, este ano, a Internet não está perdoando nada, e várias imagens deste dispositivo já são conhecidas.

Em 2018, as informações sobre o Pixel 3 tem se espalhado na rede, já vimos hands-on, amostras de capacidade da câmara e até especificações. E não fica nisso, já que um site Russo acaba de disponibilizar uma análise do dispositivo, onde está presente uma comparação de câmara entre o Pixel 3 XL e o Galaxy Note 9.

Na análise, eles fazem algumas fotos com os dois dispositivos e comparam a qualidade das imagens tiradas com o Pixel 3 XL e o Note 9, veja abaixo:

Uma das características mais marcantes da câmera do Pixel 3 XL é a sua faixa dinâmica. Em comparação com o Galaxy Note 9, o novo top de linha da Google, revela uma impressionante capacidade de alcance dinâmico.

Os níveis de saturação estão também perfeitos, assim como a saturação. Alguns exemplos não ficariam mal, cores mais brilhantes, como no caso da amostra das flores. No entanto, ainda consegue ser melhor do que as amostras mais saturadas do Note 9.

Importa salientar que segundo as fontes, esta é uma unidade de pré-produção, mas as amostras do Pixel 3 XL, têm sem dúvida, muita qualidade. No geral, pelo menos em termos de câmera, o dispositivo da Google, deve estar à altura dos melhores smartphones já lançados em 2018.

A análise completa a esta unidade de pré-produção, bem como mais alguns exemplos da capacidade fotográfica podem ser consultados neste link Phones Arena.

Imagens

Veja mais